DEZ COISAS SOBRE OBTER O INÍCIO PERFEITO


(1) lição de casa. Estude o portão na corrida antes da sua. Tente aprender não apenas a rapidez com que o portão cai, mas quando é mais provável que o acionador de partida aperte o gatilho. Isso o deixará mais alerta e melhor preparado para o início da sua moto. Preste muita atenção ao tempo que a placa de 30 segundos dura até o portão cair. Uma boa dica de 30 segundos para o quadro é observar a rapidez com que a pessoa que segura o quadro corre para fora da pista, porque o portão não vai cair até que a pessoa esteja em segurança à margem. Para o melhor tempo de reação, você quer ver qual parte do portão se move primeiro. Se você puder ver o pino que segura o portão, isso fornecerá uma borda de fração de segundo. 

(2) preparação mental. O aspecto mental é enorme nas corridas. A pista muda ao longo do dia, e isso significa que a primeira curva também muda. Estude as condições de sujeira no primeiro turno e observe as linhas que os ciclistas estão usando. Isso lhe dará um plano de jogo conforme você pisar na direção do primeiro turno. A pior coisa que você pode fazer é começar uma corrida sem saber exatamente o que você fará. Não faça isso na hora. Existe um grande impacto na saída do primeiro turno? A rotina interna está ficando mais profunda à medida que o dia passa? Você pode pegar a linha externa e fazer um tiro no buraco? Faça a si mesmo essas perguntas e as respostas ajudarão você a começar bem.

(3) palheta. Ao escolher o seu portão, é melhor escolher a condição em vez da posição. A condição da sujeira atrás e na frente do portão é mais importante do que onde o portão é relativo à primeira esquina. Obviamente, existem muitas primeiras curvas mal projetadas que favorecem nada além dos pontos de partida internos. Se o início é curto e o turno é estreito, a escolha do portão externo pode não ser a melhor decisão. Assista as motos antes da sua para ver de onde vêm os buracos. Normalmente, um padrão se desenvolve. O melhor portão tem boa tração e um sulco reto, sem solavancos.

(4) dispositivo Holeshot. Em partidas de terra, sempre recomendamos um dispositivo de furos, mas não em partidas de concreto. Na sujeira, seu dispositivo de furos ajuda a manter a extremidade frontal no chão. O ponto ideal de todo ciclista para montar seu dispositivo de tiro é diferente. Os profissionais de ponta tendem a deixá-los muito baixos para poder explodir para fora do portão sem qualquer elevador de roda dianteira. A desvantagem de um dispositivo de baixo nível de furos é que é preciso muito mais esforço para defini-lo e liberá-lo. Os dispositivos Holeshot que oferecem duas alturas de conjuntos diferentes são ótimos, pois nem todas as condições de partida da sujeira são iguais. Em sujeira seca ou compactada, é melhor usar a configuração mais alta. Quanto mais grossa a sujeira, mais baixo será o dispositivo de tiro de fenda. 

(5) Engrenagem. A escolha da marcha certa para começar depende da moto em que você está e das condições do portão de partida; no entanto, 9 vezes em 10, a segunda marcha é a escolha certa. Ser capaz de praticar os treinos antes da corrida ajudará você a sentir a aderência do adesivo de contato, qual equipamento escolher e quando mudar para o próximo. Seu primeiro turno é extremamente importante. Saber quando o seu motor atingiu o pico e ser capaz de mudar de marcha para a próxima marcha (ou seja, usar pouca embreagem e aceleração máxima) tornará a mudança de marchas perfeita.  

(6) posição do pé. Sempre comece com os pés na frente dos pinos. Quando você solta a embreagem, é natural que seu corpo deslize para trás. Ter os pés na frente dos pinos dá a você algo para segurar e mantém a posição correta. É melhor começar com os dois pés para baixo, em vez de um pé nos pinos e outro para baixo. Com os dois pés para baixo, é mais fácil manter a bicicleta equilibrada e menos provável que seu peso seja jogado para o lado. 

(7) posição do corpo. Passar muito tempo iniciando a prática o ensinará onde a melhor posição é colocar sua bunda. A maioria dos motociclistas mantém o corpo centrado no assento - nem muito à frente nem muito atrás. Eles ajustam a parte superior do corpo e a cabeça de acordo com a quantidade de tração existente atrás do portão. Mais tração exigirá mais peso na roda dianteira, o que significa que você se inclina para a frente com o tronco. Para portões com menos tração, você precisará sentar-se mais na vertical. No concreto, depende do controle do acelerador e da superfície do concreto. Se o concreto grosso foi escovado ou ranhurado antes de endurecer, sentar-se reto geralmente faz o truque. Em concreto muito macio, pode ser necessário deslizar o assento alguns centímetros para trás. Você pode testar a aderência do concreto cantando a roda traseira para ver quanta aderência existe. Por "chilrear", queremos dizer fazer um começo falso. Faça tudo o que você faria em uma situação de início regular, mas quando soltar a embreagem e ela a agarra, puxe-a para trás e certifique-se de colocar o dedo no freio dianteiro para não bater ou pular o portão. Este chilrear permitirá que você avalie quanta tração você tem para poder girar o tronco para frente ou para trás para encontrar a posição principal. 

(8) Aperte. Apertar com as pernas pode ajudar a melhorar drasticamente o seu início. O motivo para apertar sua bicicleta nas largadas é o mesmo que você a pressiona enquanto está correndo - para manter o controle da bicicleta. Para um começo perfeito, você quer sair do portão em uma linha reta, com o pneu dianteiro no chão, e nunca soltar. Para ajudá-lo a apertar a bicicleta, aponte os dedos para dentro assim que colocar os pés nos pinos. Apontar os dedos um para o outro dá a você mais força para apertar com mais força.   

(9) Onde procurar. A melhor estratégia é virar a cabeça levemente para o lado, porque seu cérebro responde mais rápido quando você vê algo em sua visão periférica. Olhar para o seu portão não é tão bom quanto olhar para o portão ao seu lado.  

(10) Obtendo o tiro. Depois de executar o salto perfeito fora do portão, continue a apertar com as pernas e olhe para o primeiro turno. Tente não se deixar intimidar pelas motos próximas a você. Olhar para o futuro o ajudará a ver que a primeira curva é sua para ser tomada.

 

você pode gostar também